Família pastoreira

Exposição em Juíz de Fora - MG

Grupo reunido enviando um saudação ao nosso amigo e pastoreiro Vitor

Criador da Raça Pastor Alemão Max von Stefhanitz

Horand von Grafrath

De acordo com documentos oficiais, o Clube SV do Pastor Alemão (Vereins für Deutsche Schäferhunde e V.), no país de origem, sociedade filiada ao VDH (Verein für das deutsche Hundewesen), com sede em Augsbourg, é reconhecido como a associação fundadora e responsável pelo padrão da raça. No transcurso da Assembléia Geral, em Frankfurt, em 20 de setembro de 1899, foi redigido o Padrão Oficial da Raça Pastor Alemão, de acordo com as propostas de A. Meyer e M.v. Stephanitz.
Esse texto inicial completou-se por ocasião da VI Assembléia Geral, em 28 de julho de 1901 e ratificado pela 23ª Assembléia Geral, em 17 de setembro 1909, na cidade de Colônia; pela reunião de Diretoria, em Wiesbaden em 5 de setembro de 1930 e, mais tarde, na sessão da Comissão de Criação da diretoria em 25 de março de 1961. O texto foi, ainda, revisto no âmbito da WUSV (Weltunion der Vereine für Deutsche Schäferhunde / União Mundial das Sociedades de Pastores Alemães) e adotado na sessão da WUSV, de 30 de agosto de 1976.
Este padrão foi, finalmente, e organizado e reestruturado aos 23 e 24 de março de 1991 e, por decisão, foram força de lei dos comitês diretores e consultivos. O Pastor Alemão, cuja criação metódica iniciou-se com a fundação da sociedade, em 1899, foi selecionado a partir das variedades de cães de pastoreio do centro e do sul da Alemanha; o objetivo foi criar um cão de utilidade, altamente qualificado e, neste sentido, foi lavrado um padrão que levasse em consideração, além das aptidões físicas do cão, seu caráter e comportamento.

Please reload